18.11.17

Amizade ou Amor? Aprenda a Distingui-los

Este é um guest post de Carolina Santos



Por vezes distinguir estes dois sentimentos não é tarefa mais fácil do mundo.E quem acha que isto só acontece com pessoas que acabaram de se conhecer não se engane porque pode acontecer com qualquer um e com uma pessoa que já conhece à muitos anos. A amizade não deixa de ser um tipo de amor, mas é diferente, é um amor fraternal, idêntico ao que temos pela nossa família. Amizades podem se estragar ou você acabar bem desiludido por não ter conseguido diferenciar ambos e perceber o que era melhor para a relação entre vocês. É por esse motivo que agora vou tentar lhe dar algumas dicas sobre o assunto.Vale lembrar que todas as pessoas são diferentes e que o que é verdade para umas pode ser mentira para outras, no entanto existem regras gerais.

Faz com que se ria

Todos querem ter um parceiro divertido, que o deixe bem-disposto, a rir, etc…E também é normal começar a pensar nessa pessoa de maneira diferente e talvez perceber o que realmente sente.No entanto pare para pensar um pouco…
Não é natural os seus amigos fazerem com que se ria e se divirta? Provavelmente sim… É por esse motivo que deve ter cuidado quando interliga sentir amor por alguém com diversão.Piadas ou até mesmo umas cantadas entre amigos na brincadeira são bem naturais, tem que perceber é se vão além da amizade ou não.


Têm uma Relação Forte

Amigos de longa data têm uma alta probabilidade de terem uma amizade mais forte, mais intima, na qual você conta muitas vezes os seus problemas e recebe suporte. Isso é ótimo que aconteça e esse carinho pode fazer com que se sinta atraído(a) pela outra pessoa, mas mais uma vez, deve avaliar que o sentimento é mútuo ou a outra pessoa apenas a vê mesmo como uma amiga e está a ajudá-la nesses momentos piores. Tente perceber os sinais para ver se ela está afim de você (muitos são os mesmos entre mulheres e homens, apenas os homens normalmente são mais evidentes).

Apenas Atração Física

Tem aquelas pessoas que acabam por arranjar uma pessoa apenas para terem relações sexuais porque consegue sentir imenso prazer e existe uma grande atração entre os dois. Mas depois chega à outra parte, a dos sentimentos, amizade, afeto, carinho, etc… e não existe nada disso.
Caso esteja nessa situação saiba que não deve ter esperanças que as coisas se desenvolvam mais que isso porque já existiu oportunidade e nada se desenvolveu. Se estiver em paz com isso pode continuar à vontade, mas se procura mesmo um amor sério, acabe com essa “relação”.



O Que Fazer Então?

Como já lhe disse, é uma situação complicada e que muitas pessoas acabam por ter que enfrentar, especialmente os mais jovens que vivem as emoções de uma forma bem mais intensa.Tente refletir sobre o que verdadeiramente sente, leia os sinais e se depois tudo isso continuar a achar que sente amor por essa pessoa, vá em frente.
Conquiste-o, arranje o seu cabelo e unhas (caso seja mulher) e faça com que se deslumbre por si de forma a que ele também perceba o seu interesse para lá da amizade que possuem.E então, já ficou a saber um pouco mais sobre como distinguir amizade de amor?
Deixe a resposta a esta pergunta e a sua opinião sobre o artigo nos comentários abaixo.

Chamo-me Carolina Santos e sou licenciada em Marketing e Publicidade. Já partilhei os meus conhecimentos e opiniões em muitos blogs pela Internet e é das coisas que mais me dão prazer fazer.

18.9.17

Dicas para decorar sua sala com estilo

Esse é um Guest Post de Bruno de Avila, professor na FMU e designer de revestimento 3d.

Você vai se casar ou se mudar e está em dúvida sobre a decoração da sala? De fato, quando esse ambiente tão querido é grande, ele se adapta a uma grande variedade de propostas. Mas, a maioria de nós tem salas médias ou pequenas, certo? Confira aqui as dicas que temos para salas desse tipo.


Comece usando a trena
Se ainda não comprou os móveis da sala, consiga as medidas de cada parede. Anote os valores, pois eles são muito importantes na hora do planejamento. Que tamanho de estofado cabe naquele ponto da sala? Tem espaço para uma mesa de centro? A distância entre o local onde ficará a TV e o estofado é satisfatória?
Se a sala de estar e de jantar forem integradas, mais motivos você tem para medir as paredes. Planeje para que a mesa de jantar não dificulte o trânsito e, se possível, não fique encostada em uma das paredes.



Paredes e mobiliário em tonalidades neutras
Sabemos que você se esforça, mas usando cores neutras, você não dá chance para a sala ficar um tanto kitsch. Selecione uma tonalidade neutra para as paredes, móveis e cortinas. Depois, entre com outros elementos que são variações dessa cor e ainda outros poucos elementos em cores vibrantes.


Principalmente na decoração de salas pequenas, escolha uma cor clara para as paredes. Se quiser inovar e adicionar algo que vai além da pintura ou texturização, aplique um revestimento. Por exemplo, o revestimento 3d de madeira (veja mais fotos) foi feito tanto para cobrir uma parede inteira ou apenas parte dela. Ele é comercializado em placas unitárias de madeira, de modo que você escolhe a extensão do revestimento.


A iluminação que dá vida à sala
Independente do tamanho das salas, elas precisam de luminosidade adequada. Não instale cortinas de tecido pesado, a menos que você tenha bons motivos para isso. É melhor aproveitar ao máximo a luz do sol.
Sobre a mesa de jantar, use um pendente com luz amarela. É uma peça que leva acolhimento e conforto para quem faz as refeições ali. Próximo do estofado, invista em lâmpadas embutidas no teto ou em spots. Dão muito charme e elegância.
Sob a mesa de jantar, nem sempre é necessário estender tapete. No entanto, se optar por um, lembre-se que ele deve contornar toda a área além dos pés das cadeiras. Do contrário, bordas do tapete trazem desconforto e podem até provocar acidentes.



10.4.17

Melhore sua auto estima comendo bem (3 dicas)

Este é um guest post de Gil Firme, criador do projeto Alimentação de Excelência. 

Às vezes a vida parece uma loucura. As coisas não se encaixam e fica difícil buscar um sentido para ter ânimo todos os dias pela manhã. Os momentos quando as coisas não saem do jeito que eu quero é sempre complicado porque parece que um pedaço da minha vida afeta diretamente outro... E é exatamente isso que acontece.
Nós somos muito difíceis de entender, vivemos em uma gangorra emocional, mas nem tudo está perdido. Existem formas de melhorar sua auto estima e uma delas é com uma alimentação mais saudável... mas peraí! Nada de comer igual um passarinho ou deixar de curtir os bons momentos da vida, na verdade, se privar do que te faz bem só vai atrapalhar nosso objetivo, não é? AUTO estima, auto estima, alta estima. Estimar a si própria :D


Vamos a algumas dicas? Use-a e melhore sua auto estima.
1) Coma porque te faz bem e não porque você acha certo comer. Comer o que te faz bem significa, seu corpo gosta do que você está comendo, não apenas emocionalmente como chocolates e porcaritos, mas principalmente alimentos funcionais. Você precisa entender que seu corpo fala, ele sabe o que você precisa comer (descubra mais sobre isso aqui);

2) Compare-se com si mesma. Ou seja, se você não tem uma alimentação tãaaaao saudável quanto uma menina linda que admira, ok, ela lá e você aqui. E aqui vem um truquezinho mental para você... quando você se perceber para baixo porque fica muito se comparando com outra pessoa, pare e se veja da mesma forma como as pessoas que te amam veem você.

3) Entenda que, por mais difícil que for qualquer momento, tudo na sua vida é melhor com saúde! Se você quer desenvolver uma alimentação saudável na adolescência precisa compreender que seus momentos não são mais fortes que a sua vida, e siga em frente!
Pronto! Existe muito a ser dito e em muitas coisas que eu poderia colaborar (de coração) para que possamos nos ajudar nesses assuntos tão importantes da vida. Mas esses 3 pontos são essenciais.
Desejo que você treine-os e aplique o máximo que puder na sua vida, e se quiser aprender um pouco mais sobre como usar a sua mente para emagrecer e viver com saúde da um clique aqui. E viva MUITO bem ok?
De coração,
Gil Firme, criador do projeto Alimentação de Excelência. 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...